sábado, 6 de novembro de 2010

Capitulo 28

Capitulo 28

Vanessa se sentia mal de ficar sozinha ali naquele lugar, Ashley sempre ia visitá-la mas não era a mesma coisa como ficar com o Zac. Aos poucos ela ia ficando mais triste e entrando em depressão, se culpava de tudo que tinha feito de errado desde quando havia nascido, se culpava até sobre os problemas globais, não sorria só queria ficar sozinha isolada do mundo, a única pessoa em que ela queria ver era Zac mas isso naquele momento era praticamente impossível.
Os resultados de seus exames eram assustadores, os médicos ficaram surpresos com o que viram, logo avisaram seus parentes Zac e Ashley, os pais de Vanessa ficaram super preocupados e pegaram o primeiro avião do Japão para Los Angeles, eles estavam lá a trabalho.
− Há alto nível de envenenamento no sangue da senhorita Hudgens – dizia o doutor para Zac, pelo telefone. Zac se desesperou.
− Como? Ela está bem? Como ela esta? Preciso vê-la!
− difícil explicar... Não tem como saber se ela tem muito tempo de vida, não sei como ela se manteve viva até agora.
− mas quem fez isso? – por um momento Zac parou e começou a refletir sobre Faby. – foi ela... – disse ele sozinho ao telefone.
− quem?
− não nada! Estou indo para aí! – e desligou o telefone, Zac mais uma vez parou as gravações de seu filme e foi direto ao aeroporto.

Até o momento Vanessa não sabia de nada sobre seus exames, tempo depois uma enfermeira misteriosa que não mostrou o rosto, pois estava de mascara entrou no quarto de Vanessa. Vanessa dormia tranquilamente quando essa enfermeira a deu um comprimido moído em uma colher com água, ela apertava a bochecha de Vanessa para que ela engolisse o remédio.
− engole coisa... Engole. – dizia a enfermeira.
Os aparelhos ligados a Vanessa começaram a descontrolar então a enfermeira saiu correndo do quarto pedindo ajuda para os médicos que cuidavam do caso.
− SOCORRO! ELA ESTA TENDO UMA PARADA RESPIRATÓRIA!!! ALGUEM AJUDA! – os médicos nem olharam para a enfermeira e entraram rápido dentro do quarto enquanto a enfermeira fugia para dentro da sala de uniformes do hospital, estava claro que aquela pessoa não era uma enfermeira de verdade e sim alguém fantasiado.
Os médicos depararam-se com ela morrendo, Vanessa se debatia na cama com uma forte tosse, tentava respirar mas não conseguia, devido aos fatos ali presente se preocuparam só em salvá-la mas um dos médicos olhava pela fresta da janela do quarto aquela porta do vestiário feminino e quando a porta se abriu saiu uma mulher de lá, aparentemente sorrindo mas não conseguia esconder o seu nervosismo. O medico a fixava profundamente ela andando pelos corredores do hospital até sair de sua vista. Assim que não a viu mais correu para ajudar os demais ali. Zac chegou ao quarto com um buquê de rosas na mão todo feliz e quando viu todas aquelas pessoas de branco em cima de Vanessa e ela na cama inconsciente, as flores caíram no chão e ele se desesperou. Não poderia imaginar o quanto Vanessa tinha se tornado importante para sua vida, se algo acontecesse com ela não saberia o que fazer era capaz de se matar em cima do corpo dela e morrer junto a sua amada.

Continua?


--


Em Primeiro lugar desculpas pelo transtorno nos comentários do capítulo anterior, mas creio que já esta tudo resolvido entre nós. E em segundo lugar desculpa pelo capitulo minusculo... é que eu tinha que parar nessa parte ! intendem? ushuashaush...

obrigada por todos que seguem e leiam esse blog vcs são demais!

11 comentários:

Mady disse...

OH MY GOD!
o que ta acontecendo??
a vany vai ficar bem?? /:

ta REALMENTE incrivel...
Posta logoooo

Tiz disse...

AAA que tensão !
Poxaa, tadinha da Diva, quase morrendo na cama de um hospital, posso nem imaginar isso de verdade, já bati na madeira só umas seis vezes só hoje, eu sei que é só três, mais quanto mais melhor ... hehe .
Mas o capitulo esta lindo, e pequeno ou não, como sempre cheio de emoções ! *-*
Esta incrivel .
Poosta logo florzinha,
Beeijos grandes =)

Mary disse...

pois é gente ainda não sei o que irá acontecer com a diva :/ ... muito obrigada emmm gente... vo escreve rapido o capitulo pra quando der 10 coments eu já posta rapidinhooo! =) bjos...!!!

Tainá disse...

OMG! e agora o que vai acontecer? OH MY GOSH, estou me descabelando de tanta curiosidade, espero que ela não morra se não eu vou ficar de luto, mesmo que seja só uma história e tals. [AA] com certeza foi a fdp da Faby, espero que ela seja presa, com ratos, baratas, aranhas, e que fique lá para sempre, bruaca :@
o capitulo está lindo Mary eu amei*-*
posta mais, estou amando essa fic,
beijos'

Mary disse...

orbigada Tainá... gente euuu me acabo de rir aqui com as reações de voces! suahasuha é bom demais...

Miriam ♪ disse...

Tão Lindo ..
Posta logo , logo ..

Mary disse...

estou querendoo...

Faby disse...

Ah migah eu disse que no proximo eu ja conseguia comentar hehe
nossa não acredito que a Faby tentou matar a V :O
Tomara que ela não morra :\
Bjs ♥

Mary disse...

q bom vc apareceu Faby! =) brigada amor por estar aki...

Adna disse...

OMG
Aii que tristeee ....
que a vanessa fique beem (yn)
pq quase todas as estorias da Mary a coitada da vane que sofre ??? kkkk ;;


posta loogo

Mary disse...

nossa nunca tinha pensado nisso kkkkk... mais deve ser pq ela é a mocinha né...podexa vo faze uma fic q ela seja a vilã tamem! HAM ! SUHAUSHAUSH